Voltar ao Site Principal

Logo Informativo Inpev
Numero do informativo

MARÇO ABRIL 2022

POSTO DE GAÚCHA DO NORTE, NO MATO GROSSO, GERENCIADO PELA ARDAVA

POSTO DE GAÚCHA DO NORTE, NO MATO GROSSO, GERENCIADO PELA ARDAVA

NOTÍCIAS DOS POSTOS

Ao destinar corretamente as embalagens, tiramos um problema da propriedade. Os agricultores hoje são extremamente agradecidos por esse trabalho

Eliane Felten

Posto de Gaúcha do Norte comemora 10 anos com recebimento em ascensão

Gerenciada pela Ardava, a unidade do Mato Grosso prevê receber 200 t este ano

 

O Vale do Araguaia, no Mato Grosso, é uma das regiões de fronteira agrícola que registra crescimento na produção e na área ocupada por culturas. Para atender à demanda desses agricultores, o Sistema Campo Limpo tem várias unidades de recebimento de embalagens de defensivos agrícolas na região, entre elas, o posto de Gaúcha do Norte, que este ano completa 10 anos de atividade. Gerenciado pela Ardava (Associação dos Representantes de Defensivos Agrícolas do Vale do Araguaia), o posto viu seu número de recebimento anual saltar de 80 toneladas em 2012 para 200 toneladas previstas para este ano.

 

“Com um quadro enxuto de três funcionários e um agendamento que distribui os recebimentos ao longo do ano, o posto atende produtores rurais do município de Gaúcha do Norte e alguns de Primavera do Leste”, explica a agrônoma Eliane Felten, gerente da Ardava, entidade que há 19 anos é responsável também pela gestão da central de Canarana, para onde são enviados os materiais recebidos em Gaúcha do Norte.

 

O posto é integrado à central por meio do SIP (Sistema de Informação de Postos), ferramenta que aumenta a eficiência da operação e traz facilidades para os agricultores ao agilizar o processo de devolução. Por meio do SIP, o posto alimenta o sistema de forma online e a central recebe a informação sobre o total de embalagens existentes na unidade.

 

AGRÔNOMA ELIANE FELTEN, GERENTE DA ARDAVA E RESPONSÁVEL PELO POSTO

Agrônoma Eliane Felten, gerente da Ardava e responsÁvel pelo posto

Agricultores bem-informados

 

A gestora do posto destaca que, nesses 10 anos, os agricultores estão conscientizados e bem-informados, devolvendo as embalagens corretamente. “Quando algum problema é identificado, atuamos de forma pontual na orientação desse produtor para evitar não conformidades”, explica Eliane. Já o trabalho educativo mais sistemático fica a cargo da central de Canarana, que inclui o Programa de Educação Ambiental (PEA) Campo Limpo e ações no Dia Nacional do Campo Limpo.

 

À frente da Ardava nesses 19 anos, Eliane Felten tem orgulho de sua participação para o sucesso do Sistema Campo Limpo. “Ao destinar corretamente as embalagens, tiramos um problema da propriedade. Os agricultores hoje são extremamente agradecidos por esse trabalho, que permite o crescimento econômico somado à conservação do meio ambiente.”

 

 

VEJA TAMBÉM NESTA EDIÇÃO

CAMPANHA #UNIDOSSOMOSMAIS REFORÇA IMPORTÂNCIA DA INTEGRAÇÃO ENTRE AGRICULTORES, REVENDEDORES, INDÚSTRIA E PODER PÚBLICO PARA O SUCESSO DO SISTEMA

Uma corrente que leva ao sucesso

União nos torna mais fortes

Material educativo da edição 2022 do PEA Campo Limpo

Edição PEA 2022 leva para escolas reflexão sobre logística reversa

WELLES PASCOA, CEO DA AGROGALAXY

Atuação do inpEV está alinhada à jornada ESG da AgroGalaxy

OLÍMPIO RECEBE VISITANTES NO STAND DO INPEV NA SHOW RURAL COOPAVEL, EM CASCAVEL (PR)

inpEV e Sistema Campo Limpo voltam a participar de eventos presenciais

NOVA CENTRAL DE BALSAS É A ÚNICA CREDENCIADA AO INPEV NO MUNICÍPIO

inpEV inaugura central em Balsas (MA)